CPF/Apelido: senha:
Notícias

Ministério da Saúde intensifica vacinação da febre amarela - 08/01/2008
Atenção na hora de viajar. Antes de marcar a passagem, é preciso colocar a caderneta de vacinação em dia. O Ministério da Saúde ampliou a vacinação contra a febre amarela. São consideradas áreas de risco os estados das regiões Norte e Centro-Oeste, além de Minas Gerais e Maranhão.

Os hospitais particulares de Brasília estão obrigados a partir desta terça-feira (8) a comunicar ao governo qualquer caso suspeito de febre amarela. A preocupação cresceu nos últimos dias, depois que um lavrador morreu em Goiás com suspeita de ter contraído a doença.

Por prevenção, o Ministério da Saúde reforçou o envio de doses da vacina para o Distrito Federal e Goiás. Cem homens do Exército serão treinados nos próximos dias para ajudar em Brasília a combater o mosquito que transmite febre amarela.

A doença matou 161 pessoas nos últimos 12 anos no país. A maioria foi infectada fora de áreas urbanas. O Ministério da Saúde recomenda a vacina contra a febre amarela para quem pretende viajar para regiões próximas a matas.

“Pessoas que vão se deslocar para áreas que são endêmicas de febre amarela, principalmente os que vão trabalhar ou fazer turismo dentro da mata, devem ser vacinadas dez dias antes de viajar”, lembra o secretário de Vigilância em Saúde Gerson Penna.

A doença é transmitida pelo mesmo mosquito da dengue – o Aedes aegypti.

Fonte: Gazeta Online - 08/01/2008

UNASUS - União Nacional dos Auditores do SUS
www.unasus.org.br