CPF/Apelido: senha:
Notícias

Câmara adia para hoje votação do reajuste do funcionalismo - 16/07/2008
Brasília - A votação da Medida Provisória 431, que reajusta os salários de 800 mil servidores civis e de 600 mil militares das Forças Armadas foi adiada para hoje (16), às 12h. O adiamento ocorreu por causa da obstrução da oposição, contrária ao parecer do relator deputado Geraldo Magela (PT-DF), e do inicio da sessão do Congresso Nacional para votar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

O deputado Geraldo Magela defendeu seu parecer afirmando que a medida concede reajustes para a quase totalidade dos servidores federais de forma escalonada até 2011.

“A proposta aumenta o valor básico dos salários e unifica as gratificações existentes em uma única, por desempenho, com o atingimento de metas dos órgãos”, disse.

“O reajuste vale para 2008, 2009, 2010 e 2011 e em algumas carreiras vai atingir 100% de aumento até 2011. Com essa metodologia não vai ter negociação salarial ano a ano”, acrescentou.

O impacto financeiro dos reajustes será de R$ 7,5 bilhões este ano; de R$ 18 bilhões em 2009; de R$ 26 bilhões em 2010 e R$ 31 bilhões em 2011, segundo Magela.

Fonte: Agência Brasil

UNASUS - União Nacional dos Auditores do SUS
www.unasus.org.br